Afeto Embotado

O afeto embotado, ou embotamento afetivo, se caracteriza por uma redução grave na variedade e na intensidade das expressões afetivas (expressão facial, tom de voz, uso das mãos e movimentos corporais).

É também conhecida como distanciamento afetivo, empobrecimento afetivo, esvaziamento afetivo e aplainamento afetivo.

Ao ficar com o afeto diminuído, a pessoa começa a aparentar indiferença aos demais, ao meio externo e, por vezes, até a si mesma. 

Em casos mais extremos pode ocorrer anedonia (perda da capacidade  de sentir prazer.)

Veja também:

Afeto

(1) Para a psicopatologia o afeto refere-se à capacidade de vivenciar emoções e interesses e é definido como a resposta emocional atual do paciente, in...

Continuar lendo...
Afeto Instável

O termo afeto instável refere-se às mudanças rápidas e abruptas nas manifestações afetivas, sem que haja uma relação direta com a presença de est...

Continuar lendo...
Afeto Constrito

O afeto constrito é um sinal ou sintoma psicopatológico caracterizado pela redução na variedade e intensidade das expressões de afeto do indivíduo (c...

Continuar lendo...
Afeto Plano

O afeto plano é um sinal ou sintoma psicopatológico onde o indivíduo praticamente não exibe sinal de expressão de afeto (por exemplo: ausência de exp...

Continuar lendo...