Necessidade

(1) na teoria de Henry Murray envolve uma força psicoquímica no cérebro que organiza e direciona a capacidade intelectual e a perceptiva, elas energizam e direcionam o comportamento.

As necessidades podem surgir de processos internos, como a fome e a sede, ou de processos externos.

Elas aumentam o nível de tensão, o que leva o organismo a agir para satisfazer uma necessidade e diminuir a tensão.

Murray descreveu 20 tipos distintos de necessidades, as quais classificou em: primárias e secundárias, reativas ou proativas.

Cada indivíduo sente tipos específicos de necessidades e não necessariamente sentirá todas ao longo de sua vida.  Veja também o conceito de Necessidade Neurótica proposto por Karen Horney.

Veja também:

Karen Horney

Karen Danielsen Horney nasceu em uma cidade perto de Hamburgo, Alemanha. Em 1906 entrou na Escola de Medicina da Universidade de Freiburg, apesar da relut...

Continuar lendo...
Henry Murray

Henry Alexander Murray foi psicólogo e desenvolveu um sistema de psicologia ao qual denominou Personologia.  Ele nasceu em 1893 em Nova York, em uma fam...

Continuar lendo...
Homeostase

A homeostase refere-se ao processo pelo qual o organismo mantém seu equilíbrio. Para a Psicologia da Gestalt, enquanto as necessidades de um indivíduo ...

Continuar lendo...
Hipomania

A hipomania é um tipo de transtorno que se caracteriza por uma elevação ligeira, porém persistente do humor, da energia e da atividade, estando comumen...

Continuar lendo...